Características de um bom líder

Em um post anterior, tratamos das características de um bom gestor. Neste post, vamos abordar o que consideramos ser características de um bom líder.

Para começar, precisamos que um bom gestor não é, necessariamente, nem precisa ser, um bom líder. A responsabilidade do gestor é facilitar o trabalho do time, removendo impedimentos. Para isso, ele colabora para que o trabalho aconteça de forma organizada. Além disso, ajuda o time a estabelecer e seguir um método. O bom gestor é, antes de qualquer coisa, um revolvedor de problemas. O líder, por outro lado, mobiliza o time para alcançar metas ou resultados.

Liderar significa em bater metas, com o time, fazendo a coisa certa (Vicente Falconi)

O líder orquestra o trabalho do time e apoia cada indivíduo no uso de todo potencial disponível. O líder, literalmente, indica o caminho.

O líder coordena os esforços de planejamento, acompanha e atua na execução, ajuda o time a verificar os resultados atingidos e se certifica que ações corretivas sejam adotadas.

O gestor, geralmente, tem reconhecimento formal. O líder tem reconhecimento moral. O gestor tem poder, o líder tem autoridade.

O gestor é, quase sempre, indicado pelo capital. O líder emerge do trabalho.

O líder, para ser bem-sucedido, precisa que o time tenha alinhamento de propósito. Não há liderança quando cada um “puxa em uma direção diferente”.

O bom líder entende que todo processo de planejamento é, invariavelmente, um processo de aprendizado. Logo, o bom líder é aquele que consegue “aproveitar” o conhecimento do time e reconhece que, eventualmente, é necessário apoio externo.

O líder, sozinho, não é capaz de garantir sucesso. Afinal, o exercício da liderança é depende, além do líder, dos liderados e de um contexto favorável.

Tanto o bom gestor quanto bons líderes são essenciais aumentam a chance de sucesso de um projeto. Nenhum dos dois é ruim, nem superior.

Gestor e líderes devem trabalhar juntos. Nenhum dos dois papéis, desde que bem executados é prejudicial ao time.

A liderança, como todo relacionamento, se estabelece pela solidez dos relacionamentos. Logo, como qualquer relacionamento, a liderança depende de confiança e continuidade. O bom líder gosta de gente e valoriza relacionamentos.

Como dissemos no post anterior, as melhores empresas atingem ótimos resultados. O líder ajuda a definir que resultados são ótimos, dado o contexto, e aponta boas alternativas para, junto com o time, fazendo a coisa certa, atingir sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *